Como identificar uma produtividade tóxica e quais são os riscos


<a href='https://br.freepik.com/fotos-vetores-gratis/produtividade'>Produtividade foto criado por pch.vector - br.freepik.com</a>


A produtividade tóxica pode ser um problema para pessoas que estão em atividade, principalmente aquelas que estão em regimes de home office, trabalhando a distância, onde o contato com a chefia pode não ser tão de perto.

O mundo tem passado por um processo conhecido como transformação digital, assim, até mesmo a forma de conseguir um atestado de saúde ocupacional onde tirar mudou. Nele, avanços tecnológicos se tornaram populares, tendo feito parte da rotina.

Então, por conta do agravamento da pandemia de coronavírus, o home office foi visto como a solução para uma série de empresas, criando uma maneira de continuar o trabalho e manter as atividades em funcionamento.

Esse modelo se mostrou muito proveitoso, principalmente com as ferramentas atuais desse tipo de produção, que permite um trabalho muito mais seguro e efetivo usando aplicativos digitais para fazer toda a etapa operacional do trabalho.

Por isso, quando o contágio pelo COVID-19 começou a diminuir, e o mundo corporativo começou a tomar novos ares, algumas empresas optaram por manter seus profissionais trabalhando em home office, pelo menos em alguns cargos de eventos corporativos e confraternizações e outras áreas.

Em muitos casos, esse tipo de ação acabou colaborando para um aumento na produtividade da empresa, com muitos profissionais alegando que o home office é o caminho mais adequado para a produção de seu trabalho, e desejando manter o formato.

A recepção desse modelo de trabalho foi muito positiva, tanto da parte das empresas quanto da parte dos colaboradores, ao ponto em que algumas companhias acabaram optando por deixar que os próprios profissionais escolham trabalhar em casa alguns dias.

Entretanto, a popularização desse formato acabou trazendo à tona um problema que não é novo, mas que acomete uma série de profissionais que estão trabalhando remotamente, mesmo antes da pandemia: a produtividade tóxica.

Produtividade tóxica: entenda mais sobre o conceito

Quanto mais pessoas começaram a ficar em casa e trabalhar de casa, mais visível esse problema começou a ficar, levando profissionais a entenderem melhor como identificar a produtividade tóxica e como lidar com ela.

Em um termo comum, a produtividade tóxica é quando o excesso de preocupação ou dedicação ao trabalho se torna um problema, em muitos casos trabalhando acima do prazo comum e prejudicando a saúde mental do profissional.

Normalmente, a pessoa fica tão nervosa para gerar resultados e mostrar sua produtividade para a empresa de consultoria recrutamento e seleção, que acaba abrindo mão de horas de descanso e de lazer para dar conta de todas essas atividades.

A sociedade atual demanda atenção e produtividade constante, sem se preocupar muito com elementos como descanso, sono, lazer e outras atividades que ajudam a manter a saúde mental e a qualidade de vida dos colaboradores de uma empresa.

Esse tipo de ação pode gerar uma série de complicações ainda maiores, por exemplo:

  • Ansiedade;

  • Depressão;

  • Déficit de atenção;

  • Burnout.

A última, conhecida também como transtorno de personalidade limítrofe, está diretamente relacionada às complicações pelo esforço acima do saudável com relação a atividades profissionais como um todo.

O excesso de cobrança por desempenho, acompanhado da pouca preocupação com a figura humana do profissional, acabou levando o mundo a esse tipo de atividade.

Assim, isso acabou gerando um problema genuíno que deve ser operacionalizado com mais inteligência para resultados melhores, tanto na frente de antecipação de recebíveis para empresas quanto em muitas outras áreas.

Muitas empresas, entretanto, buscam encontrar maneiras de identificar esse tipo de processo e otimizar a rotina de seus colaboradores, procurando formas de balancear esse tipo de interação e conseguindo manter a qualidade de vida de seus colaboradores.

Identificando a produtividade tóxica: veja como

Entender os principais sinais desse tipo de produtividade é importante para você conseguir avaliar comportamentos problemáticos e conseguir lidar com eles adequadamente em seu ambiente de trabalho.

É importante que a empresa entenda esse tipo de ação, mas, principalmente nos casos de home office, onde a avaliação pode ser prejudicada pela falta de contato físico, como no caso do ambiente de trabalho presencial.

Por isso, é importante que você fique atento a alguns sinais que podem ser um alerta para você trabalhar ativamente em busca de uma produtividade mais saudável em uma empresa de copo de chopp personalizado, que possibilita ações importantes para sua qualidade de vida.

O primeiro sinal de produtividade tóxica em um ambiente de trabalho é o excesso de culpa com relação a suas atividades. Você acaba sempre pensando que está em débito com a empresa, e que deveria estar realizando alguma atividade produtiva.

Depois, é comum que a pessoa comece a trocar suas atividades de lazer por trabalho, ficando constantemente buscando novas atividades para realizar no trabalho, sem se descolar do computador, smartphone ou outro elemento de comunicação com o trabalho.

Isso acaba fazendo com que você comece a estender a quantidade de horas trabalhadas, ficando com pouco tempo para realizar suas atividades fora do serviço, principalmente quando deveria estar descansando.

Até mesmo os finais de semana acabam sendo afetados por esse tipo de atividade, sendo perdidos por conta do acúmulo de coisas realizadas para tentar se provar uma pessoa produtiva para si mesmo.

Ou seja, o colaborador acaba fazendo mais tarefas do que é saudável no trabalho em uma empresa que fabrica tubos e perfis de alumínio, bem como diversos outros itens, por exemplo.

Estes problemas todos acabam gerando uma sensação de exaustão, que acaba diminuindo a produtividade e reduzindo consideravelmente a qualidade de vida do profissional, que começa a ter problemas em suas atividades comuns e em sua casa.

Nem sempre os sinais aparecem na mesma ordem, e alguns podem até mesmo não aparecer. Entretanto, quanto mais tempo você passar sem se preocupar com esse tipo de situação e deixar de lado a busca por ajuda, pior o quadro ficará.

Por isso, buscar apoio e ajuda é um processo importante para reduzir a produtividade tóxica, seja através do auxílio de um profissional de psicologia ou mesmo conversando com seus superiores para que a empresa de brindes personalizados bloco de anotações possa oferecer algum tipo de ajuda.

Evitando a produtividade tóxica

Agora que você consegue compreender um pouco mais sobre a produtividade tóxica e seu impacto na rotina dos profissionais, é preciso identificar maneiras importantes de reduzir as chances de se encaixar nesse tipo de diagnóstico.

É importante se atentar a elementos simples do dia a dia que podem melhorar sua rotina e impedir que a ansiedade tome conta de suas atividades, gerando esse tipo de impacto negativo em seu dia a dia.

Quanto mais você otimizar seus recursos nesse aspecto, melhor será o retorno que você conseguirá do trabalho de home office, evitando problemas maiores a longo prazo.

Intervalos

Uma importante maneira de desligar um pouco a mente do trabalho e conseguir uns minutos de relaxamento, conseguindo manter o ritmo de sua produtividade, é realizar pausas esporádicas quando você terminar alguma atividade muito complexa.

Normalmente, trabalhos muito extenuantes tendem a criar uma sensação de incapacidade que força o profissional a trabalhar por mais horas para resolver a situação.

As pausas ajudam você a manter a situação sob controle e permitem que você trabalhe de forma mais adequada em sua empresa de brindes personalizados diferentes, bem como em qualquer outro ramo.

Saiba dizer não

A palavra não é muito poderosa. Muitas pessoas têm receio de usá-la, acreditando que se negarem um pedido estarão sendo pouco produtivos e podem ser descartados a qualquer momento.

Entretanto, para uma empresa, é importante pensar em resultados. Quando você não diz não, acaba acumulando tarefas, e não consegue resolver todas a tempo ou acaba entregando um trabalho pouco efetivo.

Por isso, dizer não para os excessos e conseguir focar em atividades que você já esteja realizando é uma das maneiras mais efetivas de conquistar uma estabilidade maior e evitar a produtividade tóxica como um todo.

Cuidados com a saúde

Algumas atividades, como controlar melhor sua alimentação, fazer exercícios físicos e cuidados com o sono são fundamentais para você evitar problemas com o trabalho. Evite se perder em horas de produção sem se alimentar ou extrapolando seu cansaço.

Além disso, separar um tempo para fazer atividades de lazer e questões que sejam prazerosas para você, como hobbies e passar tempo com seus amigos e familiares também é muito importante para garantir uma saúde mental mais plena.

Uma pessoa tem qualidade de vida quando alinha seu físico e psicológico em uma única ação, por isso esse tipo de atividade é muito importante.

Considerações finais

A produtividade tóxica é um problema que, embora não seja recente, tem ganhado muito destaque nesse ambiente digital, principalmente por conta do aumento de trabalho remoto em empresas dos mais variados setores.

Por isso, entender e identificar esse tipo de atividade é muito importante para evitar um agravamento dos problemas, principalmente com relação a saúde mental e doenças como depressão e ansiedade.

Cuidar-se é muito importante para que você continue sendo capaz de produzir com qualidade para a empresa que trabalha, mas sem exageros e sem perder quem você é, aproveitando os momentos de descanso de maneira mais efetiva.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.